fbpx

Monumento às Linhas de Torres – Hércules

O Monumento foi projetado pelo tenente-coronel da Artilharia Joaquim da Costa Cascaes, por indicação do Marquês de Sá da Bandeira. O projeto apresentado recebe a sua aprovação em final de Agosto de 1874 e, no ano seguinte, iniciam-se os trabalhos que ficariam concluídos em 1883. A estátua (a clássica figura grega de Hércules) é representada com 3 dos seus mais conhecidos atributos, a barba, a pele do leão e a clava) foi executada pelo escultor Simões de Almeida. O fuste corresponde a uma peça de mármore proveniente de Pêro Pinheiro.

Este monumento, implantado num Observatório de Paisagem sobre a vila de Alhandra, pretende comemorar a vitória das tropas anglo-lusas sobre os exércitos napoleónicos e a própria construção das Linhas de Torres Vedras.

Nele foram colocadas, em 1911, duas placas de homenagem aos engenheiros militares envolvidos nesta extraordinária missão, o tenente-coronel de Engenharia, Sir Richard Fletcher do Exército Inglês e Neves Costa, Oficial do Real Corpo de Engenharia a quem se devem os estudos do terreno em que foram levantadas as Linhas.

Para mais informações contacte o Centro de Interpretação das Linhas de Torres deste percurso.