fbpx

Revista INVADE! Terceiro número!

No passado mês de dezembro, a Rota Histórica das Linhas de Torres lançou o terceiro número da revista INVADE! Património. Turismo . Lazer.

Nesta edição desafiamo-lo a terminar, ou a começar, o ano mudando de destino. Durante um ou dois dias saiba onde dormir e comer e o que fazer. Não deixe o tempo escapar e conheça as sugestões que preparamos para si!

Um património que não vai parar de o surpreender seja pela sua história, degustações gastronómicas e vínicas, no Cantinho d’Arruda ou na Quinta de Subserra entre outras opções, pelo bem-estar que lhe pode proporcionar a Casa da Nossa Senhora da Paciência ou pela diversidade de experiências entre a cidade e o campo.

Conheça o que melhor se faz na recriação histórica portuguesa, com os grupos de recriação Guerrilha de Montagraço e Companhia de Artilharia de Sobral e fique a saber por que razão Lígia Mateus, secretária-geral da Associação de Turismo Militar Português, diz acreditar “que o turismo militar é um segmento que pode marcar pela diferença”.

Sofia Magalhães revela-nos como concilia a cultura, o gosto pela histórica e a culinária – uma culinária autêntica, feita com o que a terra nos dá. Depois, é só acrescentar saber e criatividade e … volá: nasce cozinha saudável!

Falamos-lhe ainda do Dia Nacional das Linhas de Torres, do concurso de micro-metragens INVADE! e do concerto Linhas, composto por Luís Soldado, dirigido pelo maestro Rui Pinheiro, concebido pela AREPO – Associação de Ópera e Artes Contemporâneas e interpretado por jovens músicos de associações, conservatórios e academias dos municípios que integram o território das Linhas de Torres.

E não terminamos sem lhe mostrar uma das mais belas igrejas, situada num lugar insuspeito, a igreja manuelina de Santo Quintino – monumento nacional desde 1910.

Nas palavras de Paulo Piteira, presidente da Assembleia Geral da Rota Histórica das Linhas de Torres “estamos convocados para transformar o potencial existente num motor de desenvolvimento em benefício das (…) comunidades. (…) A revista INVADE vem dando, e continuará a dar, o destaque merecido tanto ao Património como aos protagonistas locais, nomeadamente os empreendedores com atividade no território; os que já vêm colaborando com a Rota Histórica em iniciativas várias, mas também aqueles que, estamos certos, estão prestes a juntar-se a nós.”

Atreva-se e Mude o seu destino, onde mudámos o de Napoleão!